A FLORA BRASILEIRA
 
Flora é o conjunto de espécies vegetais que compõe a cobertura vegetal de uma determinada área.
 
A flora é um recurso de enorme valor, já que cada planta tem uma importância fundamental no conjunto de organismos vivos (biodiversidade) nos diferentes ecossistemas.

A flora brasileira é reconhecida como uma das mais importantes.
 
No Brasil, há milhares e milhares de espécies vegetais nativas ainda não estudadas.
 
Muitas delas encontram-se em fase de extinção; outras, já foram extintas antes de serem conhecidas cientificamente.
 
 
 
Importância das espécies vegetais na vida do homem
São inúmeras as aplicações das espécies florestais: são utilizadas na alimentação, na medicina, vestuário, construção civil, móveis; na fabricação de chapéus, tecidos e papel; na produção de perfumes, inseticidas etc.
 
A enorme variedade de utilização das plantas comprova a sua importância na vida do homem.

Respeitar a flora pode significar equilibrar todas as atividades desencadeadas pelo avanço tecnológico, reduzindo a poluição, o desequilíbrio ecológico, o problema energético, a falta de alimentos no mundo e até mesmo a crise econômica.
 
 
 
 
Algumas Espécies da Flora Brasileira
Na Mata Atlântica as principais espécies são: bromélias (foto), maracujá (foto), pindola, embaúba, pau d’alho, azeitonas da mata, visgueiro, sapucaia, ingá e pau d’arco.

 

Também em algumas áreas a vegetação é rica em espécies de madeira de lei, como o jacarandá, a maçaranduba, o jatobá, o cedro, a cerejeira e o jequitibá.
Nesta região, as árvores chegam a atingir mais de 30 metros de altura.
Nas regiões da caatinga as espécies vegetais mais comuns são: a jurema, o umbuzeiro, o marmeleiro, o mandacaru, o xique-xique, a faveleira e o pinhão-bravo.
 
                          


 
Nos cerrados os seguintes exemplos: faveira, mangaba, pequi, araçá, babaçu, ipê-branco e carnaúba.
No litoral o capim-da-areia, o alecrim-da-praia, a pimenteira, a grama-da-praia e o capim-paraturá.
                           

 
 
Em algumas regiões litorâneas, as espécies alcançam porte bem mais elevado, formando verdadeiras florestas. As espécies mais representativas são: o mangue vermelho, o mangue siriuba e o mangue branco.
                         
 
 
 
 

RETORNAR PARA A PÁGINA -  ECOLOGIA