Capítulo 3

Sociedade - 6 6 6

Nova Ordem Mundial

Depois de anos de planejamento, pesquisa, e desenvolvimento as instituições financeiras do mundo estão anunciando e antecipando SOCIEDADE GLOBAL SEM DINHEIRO.

A habilidade para administrar todas as maneiras de troca monetária está sendo substituída agora por uma tecnologia de microchip ou dinheiro eletrônico.

A MONDEX é a companhia que provê este sistema sem dinheiro e já tem privilegiado mais de 20 principais nações do mundo. Este sistema foi criado em 1993 por banqueiros de Londres o Tim Jones e Graham Higgins de NATWEST/COUTTS, o banco pessoal da Família Real da Inglaterra, O sistema está baseado em tecnologia do CARTÃO INTELIGENTE que emprega microchips escondido em um cartão de plástico, que armazena dinheiro vivo eletrônico, identificação do seu portador, e outras informações.

Todos os sistemas de transação estão sendo feitos com segurança adotando protocolos FIXOS (Transação Eletrônica Segura) e exibirá o SET MARK. [SET MARCA] MON-DEX - É UMA combinação das palavras MONETÁRIO & DEXTER.

 

A Edição da Enciclopédia de Dicionário de Webster define esta formula como:

 

1) MONDEX

MOM = monetário - pertencendo a dinheiro.

DEX = DEXTER - pertencendo ou localizado à mão direita.

 

2) SET-MARK

SET = É o deus egípcio do mal ou Satanás.

 

MARK = É a MARCA da Besta 666 que vem junto com o microchip, que pode vir em forma de cartões de crédito, onde se pode usar um dispositivo no seu interior microchip (com os dados de Transferência Eletrônica Pessoal).

Esta carteira é classificada segundo o tamanho de cálculos que lhe permite administrar a moeda corrente pessoal com a troca com outros proprietários do cartão.

Os cartões também trabalham com a VISTA de NORTEL/BELL 360 telefones, telefones públicos do MILÊNIO, Bancos 24 horas, seu PC, a INTERNET, e negócios on-lines e instituições já estão preparados para o governo do anticristo.

Este sistema sem dinheiro foi testado extensivamente na cidade de Guelph, em Ontario, no Canadá, no REINO UNIDO e E.U.A.

Todos os bancos canadenses se inscreveram no MONDEX e estarão promovendo isto agora no Brasil.

Os Planos era para que este sistema de controle global pudesse ser difundido antes de 1998, porém não conseguiram a concretizar tal plano.

O CIBC (Banco internacional canadense do Comércio) montou uma filial sem dinheiro que é modelo até mesmo dentro de NORTEL em Brampton, Ontario. Mais de 250 corporações em 20 países estão envolvidos trazendo MONDEX para o mundo e muitas nações já foram privilegiadas para usar o sistema; entre elas:

REINO UNIDO, Canadá, E.U.A., Austrália, Nova Zelândia, Israel, Hong Kong, China, Indonésia, Macau, Malásia, Filipinas, Cingapura, Tailândia, Índia, Taiwan, Sri Lanka, Costa Rica, Guatemala, Nicarágua, Panamá, Honduras, El Salvador e agora Brasil... É esperado que a União européia adote o sistema de MONDEX como a moeda corrente como saída unificada entre eles.

Estão sendo usados outros sistemas de SMARTCARD em favor do MONDEX, especialmente desde que o MESTER CARD comprou uma participação de 51% apostando na companhia. NATWEST ainda manterá dirigindo o sistema desenvolvendo a sua implementação. "Esta é a fase final, que se está tornando uma realidade global, Robin O'Kelly disse: "nada pode parar o sistema MONDEX agora e será um controle de caracter global".

  

BIOCHIP

Eventualmente a idéia de levar um cartão ficará logo obsoleto, porque as pessoas descobrirão que terão uma limitação de segurança, sendo suscetível ao dano, perda e roubo do cartão.

A solução final será ter um biochip simplesmente colocado dentro do corpo humano como eles fazem agora com o implante de biochip de rastreamento de animais (GPS SISTEM).

NFOPET é umas das várias companhias que provêem uma seringa que realiza o implante indolor do bio-chip injetando na pele do animal.

O biochip pode ser lido por um escâner e o código identifica o seu dono expondo o código em um computador. O sistema pode localizar mais de 1 bilhão de animais por satélites ou por torres da telefonia celular.

A MOTOROLA é que está produzindo o microchips para o MONDEX SMARTCARD que desenvolveu vários implantes em humanos usando o bio-chips.

O chip BT952000 foi criado por Dr. Carl Sanders que foi orientado em 17 reuniões da NOVA ORDEM MUNDIAL para que se podesse ser desenvolvido um dispositivo para uso global para identificação de humanos para o propósito do comércio econômico global.

O bio-chip mede 7mm de comprimento e 0.75mm em largura, mais ou menos o tamanho de um grão de arroz. Contém um transponder e uma bateria de lithium recarregável. A bateria é carregada por um circuito de thermo-par que produz voltagem de flutuações com a temperatura do corpo. Eles gastaram mais de 1.5 milhões de dólares nos estudos para saber o melhor local para colocar este biochip no corpo humano. Eles só acharam dois lugares satisfatórios e eficientes - a TESTA, de baixo do couro cabeludo, e a parte de trás da mão, especificamente a MÃO DIREITA!

BIOCHIP

E fez que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, lhes fosse posto um sinal na mão direita, ou na fronte. (Apocalipse.13:16)(ler Apocalipse 13:14 a 16).

Dr. Sanders estava contra o uso da bateria de lithium porque era de conhecimento que se o invólucro do microchip quebrasse, causaria uma FERVURA DOLOROSA que causaria muita agonia ao hospedeiro.

Então foi o primeiro e derramou a sua taça sobre a terra; e apareceu uma chaga ruim e maligna nos homens que tinham o sinal da besta e que adoravam a sua imagem. (Apocalipse.16:2).

Depois que Dr. Sanders deixou o projeto, ele foi apresentado aos escritos proféticos da Bíblia relativo à "marca da besta " Ele se converteu então à fé Cristã e agora administra seminários neste tópico. Ele desenvolveu uma patente médica, vigilância, e equipamento de segurança para o FBI, CIA, IRS, IBM, GE, Honeywell, e Teledyne. Ele também recebeu o prêmio do Presidente dos EUA e Governador por desígno de excelência.

The industry name for the advanced smart card developed by GEMPLUS and the U.S. DOD (Department of Defense) is the MARC (Multi-technology Automated Reader Card).

O nome do código para o seu desenvolvimento era "TESSERA".

A tessera era a insígnia romana de propriedade, colocado nos escravos que se estes movessem resultaria em ser um escravo marcado com ferro quente.

Em novembro de 1996 foi feito um acordo pelo qual GEMPLUS iria suprir os smartcards para o implementação global do MONDEX.

Uma empresa chamada de LUCENT TECNOLOGIES comprou a franquia da MONDEX E.U.A.

 


Home     Estudos Bíblicos     Nova Ordem Mundial     Cap. 1     Cap. 2     Cap. 4     Cap. 5     Cap. 6     Cap. 7     Cap. 8     Cap. 9     Cap. 10     Cap. 11